Rufino garante vaga direta à final na paracanoagem da Tóquio-2020; Debora Benevides está na semifinal

Por Redação em 02/09/2021 às 13:21:47

Foto de destaque: Thomas Peter/Reuters

O Brasil começou com tudo as disputas da paracanoagem na Paralimpíada de Tóquio-2020, nesta quarta-feira (1º). Um dos favoritos, o sul-mato-grossense Fernando Rufino fez sua estreia no maior evento paradesportivo do mundo, terminou em primeiro lugar na eliminatória dos 200 metros VL2 (canoa para atletas com deficiência física) e garantiu vaga direta à final da prova.

Contemplado pelo Bolsa Atleta, programa do Governo do Estado administrado pela Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), Rufino "voou" na água, bateu a melhor marca da carreira (55,258s), venceu a bateria classificatória e, ainda por cima, quebrou o recorde paralímpico da prova, que estreou no programa do Comitê Paralímpico Internacional. A final dos 200m VL2 masculino será nesta sexta-feira (3), a partir das 22h12 (horário de MS).

O sul-mato-grossense de 36 anos também disputou a eliminatória dos 200m KL2 (caiaque) e ficou na segunda colocação, com apenas 0.272s de diferença do primeiro colocado, Scott Martlew, da Nova Zelândia. Já que apenas o vencedor da bateria assegura vaga direta à final, Rufino terá de participar da semifinal nesta quinta-feira (2), às 20h58 (de MS). A final do KL2 também acontece hoje, a partir das 22h10 (de MS).

"O chicote estralou, meu "fio", mas é desse jeito mesmo. É nível de Jogos Paralímpicos mesmo, eu já esperava isso. Vamos para a arriba! Duas provas boas graças a Deus. Estou confiante no caiaque também, na canoa. Eu conto com a torcida de todo mundo aí do meu Brasil que está assistindo, minha cidade de Itaquiraí, meu Mato Grosso do Sul, meu Brasil no geral", comemorou o Cowboy de Aço, natural de Eldorado e criado em Itaquiraí.

A campo-grandense Debora Raiza Benevides também foi à água, nos 200 metros feminino VL2 (canoa), e encerrou a série classificatória na quarta posição, completando o percurso em 1min05s923. A paratleta de 25 anos disputará a semifinal da categoria nesta quinta-feira (2), a partir das 20h44 (horário de MS).

"Primeiramente, gostaria de agradecer a todos, acho que fiz uma boa prova. Agora, é pensar nas semifinais e buscar chegar na final. Eu acho que foi uma disputa muito gostosa e estou me sentindo muito bem", falou Debora.

Não se perca. Confira abaixo a programação dos sul-mato-grossenses na paracanoagem, tudo no horário de MS:

2 de setembro (quinta-feira), às 20h44 – Debora Benevides na semifinal feminina dos 200m VL2 (canoa)

2 de setembro (quinta-feira), às 20h58 – Fernando Rufino na semifinal masculina dos 200m KL2 (caiaque)

2 de setembro (quinta-feira), a partir das 22h10 – Final masculina 200m KL2 (caiaque), com provável participação de Rufino

3 de setembro (sexta-feira), a partir das 22h12 – Fernando Rufino na final masculina dos 200m VL2 (canoa)

Todas as provas serão transmitidas ao vivo pelo canal oficial do Comitê Paralímpico Internacional no YouTube (clique aqui para acessar).

Lucas Castro, Fundesporte


Comunicar erro

Comentários

Anuncie