Polícia Civil esclarece morte de mulher carbonizada e prende três em Nova Alvorada

Por Redação em 01/06/2021 às 21:05:20

(Foto: Divulgação)

A Policia Civil, através de equipes da Delegacia de Nova Alvorada do Sul cumpriu, nesta segunda-feira (31), tr√™s mandados de busca, apreens√£o e pris√£o tempor√°ria que resultaram nas pris√Ķes dos autores do assassinato de Aliana Dias dos Santos. Foram presos dois homens, com idades de 21 e 37, e uma mulher, de 31 anos. Os mandados foram cumpridos em Nova Alvorada do Sul e Rio Brilhante.


A investiga√ß√£o teve início após o achado do corpo da vítima carbonizado às margens da BR 163. Inicialmente foi feito o trabalho de perícia para conseguir identificar Aliana e, com intensa investiga√ß√£o e levantamento de informa√ß√£o, foi apurado que a vítima, usu√°ria de entorpecente, foi à resid√™ncia dos autores em busca de drogas e, por possuir uma dívida consider√°vel, acabou sentenciada a morte pelos traficantes, os quais desferiram diversos golpes em seu corpo - principalmente rosto - o que gerou múltiplas fraturas.


Em seguida, eles pegaram um veículo e levaram a vítima ainda viva a um local distante 15km, onde foi deixada agonizando até a norte. No dia seguinte, retornaram ao local e atearam fogo no corpo para dificultar a identifica√ß√£o.


A equipe de investiga√ß√£o conseguiu identificar o veículo utilizado para incendiar o corpo e, após representa√ß√£o judicial, deram cumprimento aos mandados de buscas nos imóveis e pris√£o tempor√°ria, encontrando com os indivíduos entorpecente e armas brancas.


Durante o interrogatório, um deles confessou o crime, indicando sua participa√ß√£o enquanto os demais permaneceram em sil√™ncio. Todos foram indiciados por homicídio qualificado pelo motivo torpe e emprego de recurso que dificulte a defesa da vítima, além de oculta√ß√£o de cad√°ver, sujeito a pena superior a 30 anos de reclus√£o.


Por Antonio Coca.

Comunicar erro

Coment√°rios

Anuncie