Sábado, 17 de Novembro de 2018
(67) 9 8139-0667

publicidade
 
19/10/2018 - 06:39
Empresário é executado a tiros em cachaçaria da Fernando Correa da Costa
Vítima foi presa no final do ano passado em operação da PF

O empresário Marcel Costa Hernandes Colombo, de 31 anos, que foi investigado pela PF por suspeita de integrar uma quadrilha que atuava no descaminho e posteriormente inocentado, foi executado a tiros em uma cachaçaria localizada na Avenida Fernando Correa da Costa, durante a madrugada desta quinta-feira (18), em Campo Grande.

Ele estava na companhia de amigos na mesa de bar quando o crime aconteceu.

O atirador teria chegado por volta da 00h18 desta quinta (18) em uma motocicleta, parando atrás do carro da vítima. O autor correu até a mesa onde estava Marcel e efetuou os disparos, sem falar nada.

Não há informações de quantos tiros atingiram a vítima, que morreu no local. Em seguida, o atirador fugiu.

Segundo o boletim de ocorrência registrado pela polícia, um dos amigos da vítima fugiu do local após chamar um motorista de aplicativo e levou celular dela.

No entanto, esse amigo informou ao Jornal Midiamax que a versão apresentada pela polícia não condiz com a realidade. “Assim que aconteceu, nós chamamos a polícia e os bombeiros, esperamos o socorro chegar e eu só usei o telefone dele para avisar a família”, disse.

A testemunha do crime contou que os militares que atenderam a ocorrência coletaram seus dados e colheram o seu depoimento ainda no local da execução. “Esperamos todo o trâmite, até a perícia e só depois que os policiais me liberaram que eu fui embora. E o celular, assim como os outros pertences de Marcel, já estão com a família dele”, afirmou à reportagem.

Câmeras de segurança interna do bar mostraram à polícia toda a ação do atirador e devem ajudar na identificação do autor. Ainda não se sabe os motivos para o assassinato.

 

Deixe seu Comentário
publicidade
Facebook

facebook googleplus pinterest twitter